Geral

Menino tem intestino rasgado após forte soco do padrasto

Mason Lee, era um menino, de 21 meses, que vivia em Brisbane na Austrália. O garoto não resistiu às agressões e faleceu em junho de 2016.

O menino teve o intestino rasgado e um prolapso retal, condição que ocorre quando parte do intestino grosso desliza para fora do ânus, após levar fortes socos do padrasto.

Essa barbárie acontece um em 2016, mas os detalhes do caso só foram revelados durante o julgamento do padrasto, William Andrew Sullivan, e da mãe de Mason, Anna-Maree Lee, no último dia 11 de julho.

Durante o julgamento, foi revelado que Mason sofreu durante meses e não recebeu nenhum atendimento médico. Os exames feitos após a morte do bebê revelaram que ele teve uma perna quebrada, o cóccix quebrado, prolapso retal e a ruptura do intestino. A ruptura do intestino fez com que ele tivesse vazamento de fezes no restante do corpo, o que causou a infecção que tirou sua vida.

Megan Jarvis, promotora do caso, revelou ainda detalhes sobre os últimos dias do pequeno Mason. “Ele certamente sentiu muita dor, vomitou bastante, ficou febril, desidratado, letárgico e pálido. Qualquer um poderia notar que havia algo errado com ele”, afirmou a promotora.

Contudo, a família só chamou o resgate quando o menino já estava praticamente sem vida, de modo que os profissionais não poderiam fazer mais nada salvá-lo. Tanto o padrasto quanto a mãe confessaram os maus tratos que resultaram o falecimento de Mason.

Todavia, o julgamento não teve decisão porque ainda está acontecendo.

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte: Exclusivo 24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *