Geral

Bebê abandonada em no hospital é adotada pela enfermeira que cuidou dela

É difícil imaginarmos o que leva os pais abandonarem seu bebê na maternidade. Mas é bem comum quando os pais desses bebês são usuários de drogas.

Nomalmente, bebês de gestantes usuárias de drogas nascem prematuramente. Foi o que aconteceu com Gisele. Ela filha de pais usuários de drogas e nasceu prematuramente com apenas 850g em 2016. Diante de seu caso ela foi transferida para o Hospital Franciscano das Crianças de Massachusetts, em Boston, em outubro daquele ano.

Ela foi transferida para esse hospitall por necessitar de cuidados específicos neonatais.

No hospital, Gisele ficou lá por meses sem que ninguém perguntasse dela e sem receber nenhuma vsita. A equipe era muito amorsosa com a menina. Contudo, um dia tudo mudou. Gisele foi apresentada para a a enfermeira Liz Smith.

A ligação das duas desde o primeiro momento foi mágica. Liz que não podia ter filhos por motivos médicos visitava a menina todos os dias após seu trabalho.

Os pais biológicos ainda mantinham algum contato com o hospital e detinham a guarda da filha, todavia em razão de seus sérios problemas com as drogas apoiaram a ideia de Liz de pedir ao Estado que a deixasse adotar a criança.

E Liz levou a filha para casa. Gisele precisava de muita atenção e cuidados específicos. Após avaliação Liz foi considerada apta para adotá-la.

A bebê ainda hoje precisa de muitos cuidados, recebendo a maior parte da alimentação através de um tubo, mas agora além dos cuidados ela tem muito amor de sua mãe Liz.

A adoção foi concluída.  O juiz que conduziu o caso comentou que, enquanto um nascimento é um milagre, uma adoção é o destino. As palavras do juiz resumem perfeitamente o que a Liz sentiu ao acolher Gisele à família.

Ao falar com os jornalistas, Liz confessou que, embora sempre tivesse tido vontade de carregar seu próprio filho, ela sente que seu encontro com Gisele no hospital naquele dia foi o destino.

A história das duas viralizou e elas participaram de muitas entrevistas a grandes redes de TV norte americanas.

Liz sempre é questonada sobre como está a saúde da menina, e ela conta que que Gisele melhora a cada dia e os médicos estão surpresos com os progressos da menina. E com isso vemos o verdadeiro poder do amor.

 

 

Deixe-nos saber o que achou, porque sua opinião é muito importante para nós.

Fonte:https://www.apost.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar